Governança

O modelo de governança definido para a Rede COMEP.BH segue as diretrizes estabelecidas nacionalmente pela RNP, que procura valorizar os aspectos de cooperação, colaboração e participação.

As instâncias de decisão estão a cargo dos Comitê Gestor e Comitê Técnico. A instância operacional/técnica executiva está a cargo do NOC. A gestão administrativa e financeira é de responsabilidade da FUNDEP. Detalhamos a seguir:

    • CG – COMITÊ GESTOR
        Órgão deliberativo formado por representantes das instituições parceiras. Cada instituição indica formalmente 2 (dois) membros, sendo um titular e um suplente.
        As atribuições do CG envolvem deliberar e definir sobre as políticas, diretrizes e estratégias da Rede COMEP.BH e incluem aspectos como o rateio das despesas, inclusão de novos parceiros, expansão, inovação, dentre outros.
    • CT – COMITÊ TÉCNICO
        Órgão responsável pelas avaliações técnicas de todas as questões referentes à Rede COMEP.BH, submetendo ao CG para aprovação. Cada instituição indica formalmente 2 (dois) membros, sendo um titular e um suplente.
    • NOC – CENTRO DE OPERAÇÕES DE REDE
        Centro responsável pelo gerenciamento e monitoramento da Rede COMEP.BH, é o braço operacional que implementa e acompanha as diretrizes aprovadas pelo CG. Por definição do Comitê Gestor, o NOC está sob a responsabilidade do DCC – Departamento de Ciência da Computação da UFMG, que também é responsável pela gestão do PoP-MG da RNP.
    • FUNDEP – Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa
        A FUNDEP é contratada para assumir a gestão administrativa e financeira da Rede COMEP.BH.
    • CEMIG Telecom
        A Cemig Telecom foi contratada pela RNP para ceder o uso das fibras ópticas, bem como supervisionar e dar manutenção nessas fibras sempre que necessário.